Com time alternativo, Ceará enfrenta o Caucaia pelo Estadual

Partida no Castelão pela 2ª Fase do Campeonato Cearense é oportunidade para que jogadores que não vêm recebendo tantas oportunidades, possam mostrar serviço em briga por vaga no time titular

O volante Ricardinho deve ganhar uma chance como titular no time alternativo do Ceará FOTO: THIAGO GADELHA

Por André Almeida

Desde que assumiu o Ceará, Enderson Moreira realizou três jogos. Empatou dois e venceu um. Em todos, repetiu a base da mesma escalação que pensa como a ideal para o time titular. Agora será diferente. Quando pisar no gramado da Arena Castelão, hoje, às 16h30, para enfrentar o Caucaia, pela 2ª Fase do Campeonato Cearense, o Alvinegro terá uma formação totalmente modificada em partida que é a chance para que jogadores que não vêm recebendo tantas oportunidades possam mostrar serviço.

Nenhum dos atletas que iniciou a partida contra o Oeste como titular, na última quarta-feira (19), pela Copa do Brasil, começará o jogo de hoje. O único deles que foi relacionado, aliás, foi o atacante Leandro Carvalho, que irá no banco de reservas.

O duelo, válido pela 4ª rodada e contra um adversário que perdeu todas as três partidas que fez na 2ª Fase, é então uma oportunidade dupla: para que o técnico Enderson Moreira possa realizar testes e também observar os outros jogadores que não atuaram em muitos minutos, que terão, em jogo oficial, a chance de mostrar que podem brigar por titularidade.

É o caso de atletas como o jovem lateral-esquerdo Kelvyn, o volante Marthã, o meia Juninho Quixadá e os atacantes Mateus Gonçalves, Léo Chú e Rodrigão, que têm boas possibilidades de presença na escalação inicial.

Além deles, os volantes Fabinho e Fernando Sobral, o meia Ricardinho e o atacante Bergson, que já foram titulares anteriormente, querem aproveitar para recuperar espaço. O único desfalque do Vovô para a partida é o meia-atacante Lima, com uma virose. Mesmo com as mudanças, a partida é de grande importância para o Ceará, que está na 4ª colocação do Campeonato Cearense. Em caso de vitória, o Vovô assume a vice-liderança da competição, mesmo que provisoriamente, e garante maior tranquilidade. "Estamos em quarto e precisamos somar pontos porque são poucos jogos para que a gente possa chegar em melhor colocação e (ter) vantagem nas próximas fases. Mas passando por um jogo decisivo diante do Caucaia, vejo que a gente colocando e implementando o que o Enderson quer como time, dá pra gente conseguir um excelente resultado", destacou o meia Ricardinho.

Assimilação

A tendência, porém, é que mesmo com a mudança de peças, o modelo de jogo e as ideias do treinador sejam bem assimilados pelo elenco como um todo como explica Ricardinho. "Precisa de muitas repetições, detalhes que ele cobra, que faz muita diferença e que são muito importantes no dia a dia pra um jogo. Precisa ser repetido, estimulado pelo treinador com os atletas pra que possa ser algo natural, e é lógico que isso aí demora um tempinho. Mas a assimilação do que ele pretende como time, todos já começaram a pegar porque ele expressa bem".

FICHA TÉCNICA

CEARÁ

Diogo Silva, Eduardo, Tiago, Brock e Kelvyn; Fabinho e Ricardinho; Juninho Quixadá, Fernando Sobral e Mateus Gonçalves; Bergson (Rodrigão). Técnico: Enderson Moreira

CAUCAIA

Théo, Matheus Sousa, Ciro Sena, Túlio e Iury Kaike; Dim, Jackson Caucaia e Mateusinho; Paulista, Jacaré e Carlos Alberto. Técnico: Paulo Schardong

Campeonato Cearense - 2ª Fase

Castelão, em Fortaleza

Árbitro: Denis Garcês

https://diariodonordeste.verdesmares.com.br/editorias/jogada/com-time-alternativo-ceara-enfrenta-o-caucaia-pelo-estadual-1.2214241