Onda de frio no Brasil deve ser uma das mais intensas do século

Segundo a meteorologia, haverá uma erupção de ar gelado com magnitude raramente vista na história recente.

Por Redação, do Um Só Planeta

SOPA Images/ Getty Images

Enorme massa de ar chega ao Sul do país na próxima semana com temperatura excepcionalmente baixa e alta probabilidade de neve

Recentemente, uma massa de ar polar seca provocou neve e geada no Sul e levou estados do sudeste do país a baixas temperaturas. Essa massa de ar frio deve continuar se alastrando com intensidade no Brasil durante a próxima semana e tem potencial para ser uma das mais severas deste século. Segundo modelos numéricos analisados pela MetSul Meteorologia, haverá uma erupção de ar gelado com magnitude raramente vista na história recente.

Este ar polar deve ingressar no Brasil entre a terça e a quarta-feira fazendo com que as temperaturas cheguem a -10°C e sensação térmica de até -25°C entre quarta e sexta-feira da próxima semana, no Sul do país, com a probabilidade de neve.

Chama, ademais, atenção que os modelos têm indicado valores muito baixos no nível de 850 hPa não apenas no momento inicial do ar frio, por um ou dois dias como via de regra ocorre, mas para o período da quarta-feira até sábado da semana que vem, ou seja, por vários dias seguidos.

A massa de ar polar projetada pelos modelos é de tamanha intensidade que serão muitos dias consecutivos com temperatura média diária (calculada pelas mínimas e máximas) excepcionalmente baixas. O período de quarta até o sábado da próxima semana deve ser o mais gelado com máximas bastante baixas no período da tarde.

Uma preocupação da MetSul neste evento, considerando a perspectiva de vento e de frio abaixo de zero em muitos locais, é o alto risco de que se produza a chamada geada negra. Trata-se de um fenômeno em que se dá a morte de vegetais por congelamento.

https://umsoplaneta.globo.com/clima/noticia/2021/07/24/onda-de-frio-no-brasil-deve-ser-uma-das-mais-intensas-do-seculo.ghtml