Paraense que morreu em desabamento de prateleiras de supermercado no Maranhão

Rede de supermercados confirma morte de funcionária após acidente.

Paraense que morreu em desabamento de prateleiras de supermercado trabalhava no local há três meses

Vítima tinha 20 anos e era natural da cidade de Viseu.

Por O Liberal 

Redação Integrada

A paraense Elane de Oliveira Rodrigues, de 20 anos, é a vítima do desabamento das prateleiras supermercado Mix Mateus Atacarejo, onde trabalhava. A jovem foi esmagada após a queda das estruturas, que desabaram em efeito dominó na noite da última sexta-feira, 2, na cidade de São Luís, no Maranhão.

Rede de supermercados confirma morte de funcionária após acidente.

Prateleiras de rede de supermercado caem em cima de clientes. Elane nasceu na cidade de Viseu, no nordeste do Pará, e havia morado em Ananindeua, na grande Belém. Ela estava no trabalhando no local há apenas três meses. "Ela estava tão feliz com a vaga de emprego, pois tinha pouco tempo que ela tinha na empresa”, contou Ruan Alysson, primo da vítima. "Ela havia começado a trabalhar como repositora no supermercado havia apenas três meses", afirmou o familiar da Elane.

Elane trabalhava há três meses no supermercado (Reprodução Facebook). Ao menos oito pessoas também ficaram feridas no acidente que vitimou Elane. Imagens do circuito interno de segurança mostram o momento em que as prateleiras começam a cair e o desespero dos clientes. Ainda não há informação sobre o que causou a queda. Uma das estruturas desabou e as outras caíram em um efeito cascata. 

O governador do Maranhão, Flávio Dino, afirmou em suas redes sociais que o Corpo de Bombeiros está finalizando os trabalhos de busca e resgate no local, e demonstrou sua solidariedade aos feridos e seus familiares. 

Em nota, o Grupo Mateus confirmou a morte da funcionária. "É com profundo pesar que o Grupo Mateus vem a público se solidarizar com a família da colaboradora Elane de Oliveira Rodrigues que, infelizmente, faleceu no acidente". A empresa lamentou o acidente e disse que “imediatamente, todas as autoridades de segurança pública do Estado foram acionadas e prontamente iniciaram o trabalho de apoio e, neste momento, realizam o resgate e o socorro dos feridos.”

O Grupo informou também que o "time de gestores e colaboradores está acompanhando de perto os trabalhos das equipes de resgate e dando todo suporte solicitado para facilitar o trabalho das autoridades. "As lojas do Grupo Mateus em São Luís estão fechadas neste sábado, 3, em respeito às vítimas.

Por:Comando Tático

https://www.facebook.com/100467325070326/posts/100468141736911/?app=fbl