Mistão do Santos vai mal e perde para o Novorizontino, que engata sequência

A vitória leva o Novorizontino aos 17 pontos, na vice-liderança do Grupo C

Time do interior soma quinta vitória seguida no Paulistão e mantém distância acima do Palmeiras; sem quatro titulares, Peixe tem preocupações às vésperas de clássico e Libertadores

O time misto do Santos, sem quatro titulares, não conseguiu parar o Novorizontino na noite desta sexta-feira. O time do interior fez 1 a 0, no Jorge Ismael de Biasi, engatou a quinta vitória seguida no Campeonato Paulista e ainda impôs um fim de semana amargo ao Peixe, que terá clássico contra o Corinthians e uma quase decisão contra o Boca Juniors em sequência. Jenison, no início do segundo tempo, fez o único gol do jogo válido pela sétima rodada do estadual. Enquanto o Novorizontino segue firme em busca da classificação, o Santos passa a ter motivos para se preocupar em duas frentes na temporada 2021 – Paulistão e Libertadores. João Paulo, Alison, Soteldo (que está de saída) e Marinho não jogaram nesta sexta.

A vitória leva o Novorizontino aos 17 pontos, na vice-liderança do Grupo C e abrindo cinco pontos do Palmeiras, terceiro colocado e com um jogo a menos. O Santos permanece com 9 pontos, vice-líder do Sem tempo para lamentar

Patinando no Paulistão e com uma estreia ruim na fase de grupos da Libertadores, o Santos já terá dias importantes pela frente: tem clássico contra o Corinthians no domingo, provavelmente com reservas, e na terça vai à Bombonera enfrentar o Boca Juniors, num jogo que pode ser decisivo para as pretensões do Peixe no torneio continental.

Mais uma façanha

Um dos melhores times do interior paulista, o Novorizontino venceu pela segunda vez um grande neste Paulistão – antes do Santos, já havia feito 2 a 1 no São Paulo, impondo a única derrota de Hernán Crespo no comando da equipe do Morumbi. Na primeira fase ainda há o Corinthians pela frente, na última rodada, em Itaquera.

Primeiro tempo

Sem Soteldo, Marinho, Alison e João Paulo, o Santos apresentou problemas semelhantes aos da derrota para o Barcelona, do Equador, na estreia da Libertadores: lentidão na saída de bola, zagueiros virando armadores, meio-campo inoperante e um ataque que recebeu poucas chances e viveu de bolas longas. O Peixe controlou a posse (55%), mas só levou perigo em uma bola lançada que Marcos Leonardo disputou com a zaga, girou e bateu – o centroavante foi quem mais incomodou o rival, enquanto Lucas Braga e Ângelo foram pouco acionados e Gabriel Pirani só apareceu em cobrança de falta defendida por Giovanni. À beira do campo, o técnico Ariel Holan gritava “Tranquilo, tranquilo!” a cada início de jogada, mas os erros de passes também foram um fator prejudicial ao Peixe. O Novorizontino, confortável na defesa, começou a atacar. E levou perigo ao goleiro John em chute de Léo Baiano. Foram apenas quatro finalizações no total em um primeiro tempo fraco, de dar sono.

Marcos Leonardo briga pelo alto, consegue puxar para a direita e finaliza para fora, aos 16 do 1º

Segundo tempo

Renyer, outro garoto da base santista, substituiu Ângelo no intervalo – mas também apareceu pouco. O Novorizontino se aproveitou de uma marcação mais displicente do Santos, trocou passes e abriu o placar logo aos 4 minutos, com Jenison, após boa jogada pela direita e passe de Léo Baiano, que se livrou com enorme facilidade de Jean Mota. Ariel Holan fez mudanças e lançou Kaio Jorge e Lucas Lourenço, mas eles não conseguiram resolver os problemas de criação da equipe. No automático, sem criatividade para quebrar as linhas rivais, o Santos bateu na parede toda vez que tentou avançar além da linha intermediária. E, claro, não conseguiu um gol que desse pelo menos o empate.

O que vem por aí?

O Santos volta a campo já no próximo domingo, provavelmente com time reserva, para o clássico contra o Corinthians, às 20h (de Brasília), na Vila Belmiro. O Novorizontino enfrenta o São Bento na próxima terça-feira, às 21h30, em Sorocaba. Os dois jogos são válidos pela oitava rodada do Paulistão.

https://globoesporte.globo.com/sp/tem-esporte/futebol/campeonato-paulista/jogo/23-04-2021/novorizontino-santos.ghtml