-23 Sarah Menezes confirma mudança de peso

Momento em que Sarah Menezes lesiona o cotovelo e é eliminada na Rio 2016 (Foto: Marcio Rodrigues/MPIX/CBJ)

Em entrevista exclusiva ao SporTV, judoca medalhista de ouro em Londres revela que disputará seletivas para Jogos de Tóquio, em 2020, no peso meio-leve

Por SporTV.comRio de Janeiro

Menos de uma semana após sofrer uma luxação no cotovelo direito na sua eliminação nos Jogos Rio 2016, Sarah Menezes já começa a planejar o futuro e, mais especificamente, a Olimpíada de Tóquio, em 2020. Em entrevista exclusiva ao SporTV, a judoca, medalha de ouro em Londres, em 2012, confirmou que está de mudança de categoria. Sai dos peso-ligeiro (até 48kg) e passa para o peso meio-leve (até 52kg).

– Meu braço está melhorando, são dois meses para recuperar, estou com bem menos dor hoje, está imobilizado e, na próxima semana, vamos refazer os exames. Agora vou tirar uma férias, descansar um pouco, o ano foi bem disputado, bem forte nos treinamentos, apesar de eu não ter tido sucesso na competição. No próximo ano, vou voltar na categoria de cima, nos 52kg – afirmou a judoca, que nos Jogos Mundiais Militares, em 2015, na Coreia do Sul, conquistou a medalha de ouro no meio-leve.

Mesmo sem se aprofundar nos motivos que a levaram a tomar a decisão de mudar de categoria, Sarah Menezes tem de lidar com algo comum a todos: a dificuldade maior em perder peso com o passar dos anos. Gestor de alto rendimento da CBJ, Ney Wilson é um entusiasta da ideia.

– Pela composição corporal dela, chegar aos 48 quilos exige um sacrifício muito grande. Precisa subir. As pessoas vão ficando mais velhas e vão engordando. Os judocas são assim também. E no caso dela tende a ter mais lesões – explicou Ney.

Apesar de ainda sofrer com as dores no braço e, principalmente, com a tristeza pela derrota dentro dos tatames nos Jogos Olímpicos em casa, Sarah Menezes sabe que terá de enfrentar alta concorrência na nova categoria. No Brasil, quem disputou o peso meio-leve foi a brasiliense Érika Miranda, que perdeu a medalha de bronze para a judoca Misato Nakamura. O ouro na disputa até 52kg ficou com a judoca do Kosovo Majlinda Kelmendi.

– A derrota está doendo bastante, ainda não deu para pensar e, além da derrota, saí com a lesão. Então, foi uma dor dividia. Vou esperar um pouco e refletir muito. Às vezes, ainda choro, penso no que aconteceu na luta e busquei até o fim, mas não foi o suficiente. Agora é ter paciência, levantar e treinar de novo. Erguer a cabeça e seguir em frente novamente, na próxima categoria – disse Sarah Menezes.

Sobre o resultado do judô brasileiro abaixo da campanha dos Jogos de Londres, em 2012, quando a equipe voltou para casa com quatro medalhas (a participação na Rio 2016 terminou com três medalhas), Sarah Menezes preferiu valorizar o empenho e dedicação dos judocas do Brasil.

– Não foi o resultado que nós esperávamos, pensávamos em ter mais medalhas, mas, a pressão é normal. Faz parte do esporte. Acredito muito na equipe, tudo pode acontecer, todo mundo lutou e todos nós fizemos tudo: treinamos, lutamos até o fim, ninguém desistiu, mas os resultados são consequências. No momento, a gente não teve sucesso como a olimpíada anterior, mas, agora, precisa continuar, pensando positivo, focando e tentar mais uma vez – comentou.

Por fim, Sarah Menezes agradeceu aos torcedores brasileiros pelo apoio durante toda a competição e após a lesão que a deixará parada por, pelo menos, dois meses.

– Para mim, foi de extrema importância (a torcida brasileira na Arena Carioca 2). Sempre gostei de lutar no Brasil, apesar de não ter conquistado uma medalha nesse momento tão importante, mas a torcida é favorável. É muito gostoso você escutar, a vibração positiva e aquilo traz mais confiança – concluiu.

Autor: Silva Neto

Eu, José Gonçalves da Silva Neto – (Silva Neto), Naturalidade: Cedro-CE, filiação: Vicente Antônio da Silva e Severina Gonçalves da Conceição. Na década de 70, comerciário na Casa Ribeiro e Gilsons Magazine em Juazeiro do Norte, nesta mesma cidade fundador do Xv de Novembro Futebol Clube. Ex-diretor secretário da Liga Desportiva Juazeirense, na década de 70. Comerciário vendedor da antiga Cariri Rações em Juazeiro do Norte. Radialista autônomo, diretor e apresentador do Programa Alvorada Sertaneja - Rádio Cetama de Barbalha. Noticiarista diretor e apresentador do Jornal Cetama é Notícia - Rádio Cetama de Barbalha, membro da equipe esportiva da Rádio Cetama de Barbalha, membro do Programa Flagra pela Rádio Cetama de Barbalha conjuntamente com o radialista Maciel Silva (saudosa memória). Ex-diretor gerente da Rádio Comunitária Verdes Canaviais de Barbalha-CE. Diretor e apresentador do Jornal Verdes Canaviais. Diretor e apresentador do Programa Saúde em debate da Rádio Verdes Canaviais. Ex-diretor gerente da Rádio Aurora do Povo da cidade de Aurora-CE. Ex-secretário e presidente da Liga Desportiva Barbalhense (LDB). Ex-presidente da Associação dos Moradores do Bairro Alto da Alegria – Barbalha-CE. Por oito anos, funcionário recepcionista do Hospital Santo Antônio de Barbalha-CE. Funcionário Público Municipal da Assessoria de Imprensa da Administração do ex-prefeito de Barbalha, Francisco Rommel Feijó de Sá. Funcionário Público Municipal como assessor de imprensa da Prefeitura Municipal de Barbalha, gestão do ex-prefeito Antônio Inaldo de Sá Barreto, membro da assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Barbalha, do ex-prefeito Edmundo de Sá Filho. Prestador de Serviços na divulgação das ações da Câmara Municipal de Barbalha desde o início dos anos 90. Correspondente do Jornal Tribuna Popular de Juazeiro do Norte. Correspondente do Jornal da Tarde da Rádio Padre Cícero em Juazeiro do Norte. Diretor, redator e apresentador do Jornal Alvorada Notícias FM 96,7, desde o dia 02 de janeiro de 2014. Membro da equipe esportiva Show de Bola da Rádio Barbalha FM. Sócio do Rotary Clube de Barbalha – Distrito 4490. Membro sócio do Círculo Operário de Barbalha. Fundador e diretor do site www.diariodocariri.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: