Atlético-PR sai na frente, mas toma empate do Jr. Barranquilla na primeira final da Sul-Americana

Junior Barranquila Atlético-PR (Foto: Albari Rosa/Gazeta do Povo)

Pablo marca logo no início do segundo tempo, mas Furacão toma empate minutos depois. Colombianos ainda perdem pênalti, e decisão fica toda para jogo na Arena da Baixada

Em um jogo com o primeiro tempo tranquilo e o segundo cheio de emoção, Junior Barranquilla e Atlético-PR ficaram no 1 a 1, na noite desta quarta-feira, no primeiro jogo da final da Copa Sul-Americana. A partida teve um início forte do time de casa, mas que não resultava em chutes a gol, enquanto o Atlético-PR só conseguia se defender. O vestiário mudou tudo e, no segundo tempo, Pablo fez aos cinco minutos para calar o Metropolitano, que entrou em combustão um minuto depois, quando Yony González empatou. O restante das emoções ficaram guardadas para o pênalti perdido pelo zagueiro Rafael Pérez, que mandou no travessão e as duas defesas de Santos nos últimos minutos, que garantiram o empate e a decisão na Arena da Baixada. Outro empate, e o jogo vai para a prorrogação e, se persistir, a decisão do título vai para os pênaltis.

A partida começou em ritmo intenso no Estádio Metropolitano. No início, o Junior Barranquilla tentava pressionar, enquanto o Atlético-PR esfriava o jogo. Mesmo com mais posse de bola, o Furacão encontrou muitas dificuldades para encontrar espaços, esticou as bolas e não conseguiu sair da forte marcação dos colombianos. Os donos da casa dominaram o primeiro tempo, mas só foram chegar com perigo aos 29 minutos, depois que Díaz fez o giro na área e mandou por cima do gol de Santos. O Rubro-Negro até conseguiu controlar o jogo em alguns momentos, mas foi inofensivo ofensivamente.

Os times voltaram mais ligados no segundo tempo. Que o diga o Atlético-PR. Logo no início, Léo Pereira perdeu uma boa chance de cabeça. Aos sete, o Furacão encontrou o gol. Nikão puxou o contra-ataque e deu o passe para Pablo chutar de direita e abrir o placar no Metropolitano. Mas não deu tempo para comemorar. Logo em seguida, a zaga atleticana deu bobeira, Jonathan afastou mal a bola e Yony González aproveitou, deixando tudo igual. O Junior perdeu a chance de virar o placar aos 26 minutos, quando Rony cometeu pênalti em Gutiérrez. Para a sorte do Atlético-PR, o zagueiro Pérez chutou uma bomba no travessão, e o placar não mudou em Barranquilla.

O Furacão quase marcou o segundo gol aos 38 minutos do segundo tempo. De pé em pé, a bola ficou com Nikão, que acionou Bruno Guimarães no lado esquerdo do ataque. O volantte recebeu, limpou a marcação, mas demorou para finalizar e tomou um corte da marcação, desperdiçando a última boa chance para o Furacão. Do outro lado, o Junior assustou com Piedrahita, Ruiz e Barrera, que exigiram defesas de Santos.

Pablo encerrou um jejum de oito jogos sem gols no Furacão. O camisa 5 fez o gol que abriu o placar em Barranquilla, aos quatro minutos. Após lançamento de Nikão, o atacante dominou, invadiu a área e colocou nas redes do goleiro Viera, calando o Metropolitano de Barranquilla. Foi o 17º gol de Pablo, artilheiro isolado do time em 2018. O jogador saiu de campo aos 15 minutos do segundo tempo, com dores na panturrilha direita.

O goleiro brilhou nos minutos finais da partida em Barranquilla. Aos 46, o camisa 1 fechou o ângulo e impediu uma finalização perigosa de Ruiz. Em seguida, Santos teve que trabalhar mais uma vez. Barrera soltou um pancada de fora da área, com muita força e rasteira, e o goleiro salvou o Furacão.

Com casa cheia, a torcida do Junior Barranquilla fez uma bonita festa para apoiar a equipe no Estádio Metropolitano. Na entrada dos times, os torcedores usaram fumaça e sinalizadores para recepcionar o “Tiburones”. Foram 33.795 pagantes e 38.094 presentes na primeira final.

Autor: Silva Neto

Eu, José Gonçalves da Silva Neto – (Silva Neto), Naturalidade: Cedro-CE, filiação: Vicente Antônio da Silva e Severina Gonçalves da Conceição. Na década de 70, comerciário na Casa Ribeiro e Gilsons Magazine em Juazeiro do Norte, nesta mesma cidade fundador do Xv de Novembro Futebol Clube. Ex-diretor secretário da Liga Desportiva Juazeirense, na década de 70. Comerciário vendedor da antiga Cariri Rações em Juazeiro do Norte. Radialista autônomo, diretor e apresentador do Programa Alvorada Sertaneja - Rádio Cetama de Barbalha. Noticiarista diretor e apresentador do Jornal Cetama é Notícia - Rádio Cetama de Barbalha, membro da equipe esportiva da Rádio Cetama de Barbalha, membro do Programa Flagra pela Rádio Cetama de Barbalha conjuntamente com o radialista Maciel Silva (saudosa memória). Ex-diretor gerente da Rádio Comunitária Verdes Canaviais de Barbalha-CE. Diretor e apresentador do Jornal Verdes Canaviais. Diretor e apresentador do Programa Saúde em debate da Rádio Verdes Canaviais. Ex-diretor gerente da Rádio Aurora do Povo da cidade de Aurora-CE. Ex-secretário e presidente da Liga Desportiva Barbalhense (LDB). Ex-presidente da Associação dos Moradores do Bairro Alto da Alegria – Barbalha-CE. Por oito anos, funcionário recepcionista do Hospital Santo Antônio de Barbalha-CE. Funcionário Público Municipal da Assessoria de Imprensa da Administração do ex-prefeito de Barbalha, Francisco Rommel Feijó de Sá. Funcionário Público Municipal como assessor de imprensa da Prefeitura Municipal de Barbalha, gestão do ex-prefeito Antônio Inaldo de Sá Barreto, membro da assessoria de imprensa da Prefeitura Municipal de Barbalha, do ex-prefeito Edmundo de Sá Filho. Prestador de Serviços na divulgação das ações da Câmara Municipal de Barbalha desde o início dos anos 90. Correspondente do Jornal Tribuna Popular de Juazeiro do Norte. Correspondente do Jornal da Tarde da Rádio Padre Cícero em Juazeiro do Norte. Diretor, redator e apresentador do Jornal Alvorada Notícias FM 96,7, desde o dia 02 de janeiro de 2014. Membro da equipe esportiva Show de Bola da Rádio Barbalha FM. Sócio do Rotary Clube de Barbalha – Distrito 4490. Membro sócio do Círculo Operário de Barbalha. Fundador e diretor do site www.diariodocariri.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: